Tijox mostra seu trabalho social na 5ª ENTAF – Encontro de Talentos da Administração Facthus

 

O tema Responsabilidade Social Empresarial ainda é motivo de grandes dúvidas na sociedade. Afinal, qual o verdadeiro papel das empresas na comunidade em que está inserida? Este foi o grande questionamento que o grupo de alunos do 2º período da Administração da Facthus buscaram responder à sociedade uberabense através de sua apresentação na 5ª ENTAF, o Encontro de Talentos da Administração Facthus. Evento este que aconteceu no último dia 30/05/2015, no Campus I da faculdade.

Os alunos Ronaldo Saraiva, Ailton Fernandes, Franciellen Beatriz, Flávia Couto e Luiz Henrique procuraram a Penitenciária Professor Aluizio Ignácio de Oliveira na pessoa do Diretor Itamar Rodrigues para saber mais sobre o PIR – Programa Interno de Ressocialização. Com a orientação da professora de Sociologia Sabina Maria e do professor de Direito e Comunicação Empresarial Gustavo Assis, os alunos fizeram uma pesquisa a fundo para entender como funciona este pioneiro projeto que acontece em nossa cidade.

O grupo de alunos afirmam que o foco da apresentação foi, além de, claro, mostrar o que é Responsabilidade Social Empresarial, mudar a percepção da população em relação à penitenciária e seu papel na sociedade. “Essas instituições têm seu lado positivo”, concluem os alunos.

O PIR tem por objetivo reinserir os detentos à sociedade, dando-lhes a oportunidade do trabalho digno e de recompor suas vidas. Os detentos do regime semi-aberto têm o direito de trabalhar no horário comercial e muitos deles prestam serviços à Prefeitura Municipal de Uberaba e também à fábrica da Tijox Tijolos Ecológicos, que fica anexa à unidade prisional.

A Tijox têm claramente estabelecido seu papel empresarial e social: além da entrega de um produto de qualidade e sustentável ao mercado, a empresa exerce sua função social de restabelecer vidas através do esforço de trabalho dos detentos.

O trabalho dos alunos de Administração da Facthus contou com uma apresentação bem organizada dos setores da penitenciária e como funcionam as etapas do Programa Interno de Ressocialização. Os visitantes puderam conhecer todo o processo ao passar por pequenas salas que simulavam alguns locais da penitenciária.

“Nós queremos dar oportunidade. Nosso foco é muito maior do que somente a venda de produtos”, afirma Leandro Ribeiro, diretor da Tijox. 

Twitter icon
Facebook icon
LinkedIn icon